Imagem capa - Como contratar o fotógrafo ideal para seu casamento por Silas Coelho
BLOG

Como contratar o fotógrafo ideal para seu casamento

Ao procurar um fotógrafo para registrar um dos dias mais esperados da sua vida, é importante escolher alguém que seja ideal para o seu perfil. Há profissionais com estilos e valores para todos os gostos, mas é sempre possível encontrar aquele fotógrafo que se encaixa tanto no seu sonho quanto no seu orçamento. Para te ajudar nessa busca, listamos abaixo dicas essenciais na hora de escolher a pessoa que vai registrar para sempre o seu grande dia.


1. Conheça o trabalho completo do fotógrafo

Ao invés de focar apenas em uma ou duas fotografias de cada evento, procure por fotógrafos que divulguem imagens do casamento completo em seus sites ou redes sociais. Dessa forma, você não terá acesso apenas às melhores fotos do dia, selecionadas e editadas a dedo, mas ao conjunto completo que aquele profissional pode te oferecer.


2. Converse bastante com o profissional

Trocar e-mail e ligações nunca é demais antes de fechar o seu contrato de fotografia. Os noivos precisam ter o famoso "feeling" com o profissional que vai ser responsável por fazer o registro do grande dia, por isso certifique-se de contratar alguém que é agradável também como pessoa e não apenas no aspecto profissional. Se os e-mails forem respondidos de forma abrupta ou ele não parecer atencioso quando receber seus telefonemas e questionamentos, talvez isso seja uma ponto a considerar.


Antes, durante e depois do casamento, o fotógrafo precisará se comunicar muito com vocês e com seus padrinhos e madrinhas. Sendo assim, ter um clima tranquilo e amigável com o profissional vai deixar o seu dia muito mais leve e o trabalho dele muito mais fácil.


3. Encontre o seu estilo de fotografia

Cada fotógrafo tem um estilo de edição e de captura de imagens. Enquanto alguns apelam para fotos mais posadas, outros preferem registrar momentos naturais e de forma um pouco documental. Há profissionais que abusam da edição, modificando tons, luz e cores de forma abrupta nas imagens capturadas, no entanto há também aqueles que modificam apenas o essencial na pós-edição.


Cada um desses fotógrafos possui um público específico e há espaço para todos no mercado porque é possível se identificar tanto com o trabalho de um quanto do outro. Aos noivos, cabe fazer a análise do portfólio do profissional e compreender qual estilo se parece mais com o casal.


4. Leia o contrato com atenção

Parece óbvio, mas é importante tirar quaisquer dúvidas que possam surgir durante a leitura do seu contrato. Quantas fotos você receberá, qual o prazo de entrega, como o álbum será feito, quais os valores que podem ser devolvidos em caso de desistência ou força maior, etc.


Além disso, se o casal tiver algum sugestão ou pedido a fazer ao fotógrafo, esse também é o momento de pedir. Assim, tudo pode ficar devidamente registrado no contrato assinado por ambas as partes.


5. Considere a qualidade em relação aos valores

Não é difícil encontrar profissionais com valores abaixo do mercado na indústria de casamentos. No entanto, é importante pesquisar a qualidade do serviço oferecido em relação aos valores cobrados pelo fotógrafo.


Pagar mais barato pode significar uma dor de cabeça enorme na hora do recebimento do seu pacote fotográfico e até no dia do casamento. Por isso, conhecer a fundo o trabalho do profissional contratado é essencial e certificar-se de estar pagando um valor justo é também muito importante.





Carla Ribeiro é jornalista e correspondente do blog Silas Coelho, em Paris. Em seu próprio site sobre intercâmbio, a professora de inglês de 26 anos conta mais sobre a sua rotina na França e os processos burocráticos para morar fora do Brasil.